Shake it out and carry on



Florence + The Machine - Shake It Out

Tudo o que vivemos e por tudo o que passámos, tudo o que nos fez gritar que nem loucos, tudo o que nos fez chorar de tanto rir, tudo o que nos fez sentir um turbilhão de sensações a percorrer todo o nosso corpo, tudo o que nos fez adormecer a chorar, tudo isso e isso tudo, é o que nos faz ser quem somos, é o que nos molda, é o que nos faz agir de maneira que o fazemos.
Tudo o que passámos transforma-nos, mau ou bom, é parte de nós.
Cabe-nos a nós saber lidar com todas as situações e tentar sempre aprender e agir de acordo com o que sentimos porque se há coisa que não devemos fazer é contrair o nosso coração, aí estaríamos a enganar-nos a nós próprios.
É o caminho que temos de percorrer para nos podermos conhecer a nos próprios e para descobrirmos qual é o nosso sonho, aquilo que queremos fazer ou onde queremos chegar.
Acabei hoje de ler "O Alquimista" de Paulo Coelho. Este livro fez-me pensar sobre este assunto. Recomendo.

Tudo o que sonho ou passo,
O que me falha ou finda,
É como que um terraço
Sobre outra coisa ainda.
Essa coisa é que é linda.

Fernando Pessoa

O dia em que aprendi a andar de bicicleta




Após anos e anos de estudo sobre tema e com a ajuda de duas fantásticas professoras (a R. e a V.), consegui (finalmente!) dominar o cavalo de ferro (também conhecido por bicicleta) e dar umas voltinhas em duas rodas! Acompanhada por um fiel capacete e cotoveleiras, dando um bonito espectáculo a quem por ali passava, e entre muita risada, assim foi conquistado mais um objectivo de vida.
Aqui fica para a minha história pessoal o dia em que aprendi a andar de bicicleta.
Agora só me falta arranjar uma bicicleta bonitinha (como a da imagem) para praticar e pavonear a minha linha-recta-meio-torta por este mundo fora.


Temos que aproveitar as oportunidades que nos aparecem à frente, mesmo aquelas que não parecem sê-lo.

Let's get to work


Sexta foi o meu último dia de exames.
Hoje foi o meu primeiro dia de trabalho de verão.
O facto de poder ajudar e de fazer parte de algo faz-me sentir muito bem comigo própria.
E assim começa a primeira semana do meu mês de Julho, a trabalhar!

Posts populares